Brasil enfrenta a Bolívia na estreia da Copa América

Publicado por Departamento de Jornalismo em Geral

jpeg

Publicado em 14 de junho, 2019 | Nenhum Comentário

A Copa América tem início nesta sexta-feira, com o anfitrião Brasil recebendo a Bolívia no Morumbi, em São Paulo, às 21h30min, em confronto do Grupo A. Ainda na chave estão a Venezuela e o Peru, que se enfrentam neste sábado, às 16h, na Arena do Grêmio. A Seleção Brasileira tenta recuperar a hegemonia da competição, que venceu pela última vez em 2007 – a Canarinho detém oito títulos do torneio continental e faturou o último disputado no país, há exatos 30 anos.

Além de São Paulo, com dois estádios recebendo os jogos (Morumbi e Itaquerão), a Copa América terá partidas na Arena do Grêmio, no Mineirão, em Belo Horizonte (ambos palcos das semifinais), na Fonte Nova, em Salvador, e no Maracanã, no Rio de Janeiro. Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela são os países que disputarão a competição sul-americana, assim como Japão e Catar, convidados.

A Seleção Brasileira não perde um jogo desde a Copa do Mundo, no ano passado. De lá para cá, foram quatro partidas, sendo três vitórias e um empate. No último domingo, os comandados de Tite golearam Honduras por 7 a 0 no Beira-Rio. Mas a equipe não poderá contar com o seu principal jogador, o atacante Neymar, que sofreu uma ruptura ligamentar no tornozelo direito durante o amistoso com o Catar, na semana passada, em Brasília. Para seu lugar foi convocado Willian, do Chelsea, mas que deve ficar no banco de reservas. No setor ofensivo, o centroavante Roberto Firmino foi confirmado para começar a partida.

O favorito para entrar na vaga de Neymar é o garoto David Neres, de ótima atuação diante de Honduras – corre por fora o gremista Everton. E a dúvida para o posto do lesionado Arthur é entre Allan e Fernandinho.

A Bolívia não realiza uma boa temporada. Fez quatro jogos neste ano e ainda não venceu. Foram três derrotas e um empate. O último jogo foi uma derrota por 2 a 0 para a França. Seu destaque é um conhecido dos brasileiros, o atacante Marcelo Moreno, ex-Grêmio. Aos 31 anos, o atleta chega a sua terceira participação em Copa América, após aparição no torneio de 2011, onde não marcou gols, e no de 2015, quando anotou dois gols e deu uma assistência. Moreno está desde 2015 no futebol chinês, atualmente no Shijiazhuang Ever Bright, despontou para o futebol no Brasil, participando das Seleções Brasileiras Sub-17 e Sub-20.

O argentino Néstor Pitana será o árbitro de Brasil e Bolívia. Pitana foi quem apitou a final da Copa do Mundo do ano passado, na Rússia, quando a França bateu a Croácia. Ele será auxiliado dentro de campo por outros dois compatriotas: Hernán Maidana e Juan P. Belatti. O VAR, árbitro-assistente de vídeo, também será um argentino, Patricio Loustau.

Copa América 2019 – Primeira fase

Brasil
Alisson; Daniel Alves, Thiago Silva, Miranda e Filipe Luís; Casemiro, Allan e Coutinho; Richarlison, David Neres e Roberto Firmino. Técnico: Tite

Bolívia
Lampe; D. Bejarano, Haquín, Jusino e M. Bejarano; Chumacero, Saavedra, Justiniano, Gallindo e Raúl Castro; Marcelo Moreno. Técnico: Eduardo Villegas

Árbitro: Néstor Pitana (ARG)
Data e hora: 14/06/2019, 21h30min
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo (SP)

*Correio do Povo

Compartilhe

Sobre Departamento de Jornalismo

Nenhum Comentário

No momento não há comentários para: Brasil enfrenta a Bolívia na estreia da Copa América
Que tal ser o primeiro? Comente!

Deixe um comentário