Vereador de Não-Me-Toque indica criação de escola cívico-militar no município

Vereador de Não-Me-Toque indica criação de escola cívico-militar no município

Mais de 1.800 eleitores vão às urnas para eleger os novos conselheiros tutelares, em Não-Me-Toque
Projeto Visão Perfeita encerra testagem inicial em alunos de Não-Me-Toque
Câmara de Vereadores de Não-Me-Toque rejeita dois projetos e aprova seis em sessão descentralizada

O vereador Charles Morais (PP), encaminhou ao Prefeito Pedro Paulo Falcão da Rosa, um pedido de indicação para que seja estudado a viabilização da criação de uma escola cívico-militar em Não-Me-Toque.

O modelo de escola cívico-militar é uma proposta do governo federal para uma gestão escolar compartilhada entre educadores e militares. Segundo o Ministério da Educação (MEC), a meta é construir 216 escolas neste modelo em todos os 26 estados e no Distrito Federal até o ano de 2023.

Neste sentido o vereador pediu que seja estudado a possibilidade ou adesão do programa junto ao Governo Federal. A adesão dos estados e municípios ao programa é voluntária e, de acordo com o MEC, os gestores deverão realizar uma consulta pública e a comunidade escolar deve aceitar a mudança.

Com informações do MEC e Ascom Vereador Charles Morais. 

COMENTÁRIOS

Enviar
1
Olá!
Olá!
Gostaria de pedir uma música!
Powered by